Portal Estilo Mulher

Confira todas as noticias do mundo feminino, saúde e beleza aqui no Portal Estilo Mulher!

Os novos fios da juventude

Tratamento com fios de sustentação melhoram a harmonia do sorriso, eliminando rugas como o bigode chinês e marionete firmando as estruturas de sustentação da face e pele.

A corrida em busca da longevidade do corpo aumenta e a estética acompanha este pensamento, já que todos querem ter uma aparência mais jovem. Depois da febre do Botox e do sucesso de dezenas de procedimentos como os preenchimentos faciais, um novo método vira coqueluche prometendo o milagre daquela ‘levantadinha de três dedos no rosto’ tão sonhada entre as mulheres: é o novo fio de sustentação facial que tem conquistado milhares de pessoas, pois os resultados aparecem imediatamente rejuvenescendo a face em até uma década.

De acordo com o cirurgião plástico e pesquisador José Antônio Beramendi, Membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica-RJ, responsável pelo desenvolvimento do fio, quando queremos ver como ficaríamos com o rosto mais jovem, vamos para frente do espelho, colocamos os dedos na extremidade do maxilar e na região da costeleta, e esticamos a pele para cima e para trás. O resultado é imediato: as marcas do tempo desaparecem e a face volta a ganhar volume, contorno harmonioso e pele viçosa.

“A implantação do Fio de Dermosustentação Trisegmentado de Dupla Convergência (nome científico) realiza uma ação semelhante a dos dedos diante do espelho. Assim que são implantados na gordura facial, eles erguem e sustentam de imediato os tecidos flácidos da face, amenizando os ultrajes do tempo” explica o médico lembrando que se trata de um fio de polipropileno inabsorvível, não biodegradável, biocompatível e de forte resistência, características que o tornam amplamente usado, há anos, nas mais diversas especialidades da clínica cirúrgica, já que ele é um fio de sutura.

“Apesar de fino ele é muito resistente por possuir garras duplas de ancoragem”. De acordo com o médico, os fios antigos, de outra geração, não tinham a ancoragem que existe com o atual fazendo com que a gordura seja reestruturada para o local de origem, reforçando o ligamento que estava afrouxado e flácido.

“O procedimento é feito com um único fio com três segmentos. Possui garras de sustentação no formato de escamas de peixe. São elas que se prendem ao tecido gorduroso, provocando uma imediata tração na pele. O procedimento, que demora de 40 a 60 minutos e é feito em ambiente laboratorial, é totalmente certificado. Possui todos os estudos- tanto da matéria prima quanto da metodologia- registrados em todos os órgãos sanitários e também na ANVISA há dois anos e meio” diz José Beramendi.

É um verdadeiro lifting diz a empresária Cecília Guimarães, 55 anos, que fez o procedimento há cinco meses. “Sou vaidosa, mas tinha medo de fazer plástica e ficar toda esticada, superficial”, conta. “Depois do fio a constante aparência de cansaço sumiu. Minhas bochechas, antes flácidas, foram levantadas. A pessoas acharam que eu tinha voltado de férias mais jovem e bonita”.

Segundo Beramendi, além da implantação dos fios, para quem possui muita flacidez, é possível fazer, também em ambiente ambulatorial, um mini lifting estruturado, ou seja, retira-se um mínimo fragmento de pele e ao mesmo tempo reforçam-se com o fio todos os ligamentos que estavam afrouxados fazendo a reestruturação do tecido. “Este procedimento dura em torno de duas horas e é extremamente seguro e com resultados excelentes”, afirma.

Procedimento

Mas por que o fio trisegmentado ergue a pele no rosto? 

O cirurgião plástico explica que “o fio é dotado de dois segmentos de garrinhas que correm em sentidos opostos e em direção do centro do fio. Quando o Fio Trisegmentado é implantado na gordura profunda – jamais no músculo – as garrinhas se prendem firmemente no tecido adiposo. Enquanto o segmento de garras dupla-dupla traciona e eleva os tecidos flácidos, o segmento de garras dupla-dupla sustenta e mantém os tecidos erguidos no lugar, garantindo o efeito”. Beramendi conta que como a trajetória e a tração exercida pelas garrinhas do Fio Trisegmentado correm no sentido póstero-superior do rosto (para o alto e para os lados), os tecidos faciais são retesados na mesma direção. Por isso, a face volta a se erguer e desafiar a gravidade.

Celebridades

Você se pergunta como mulheres maduras, com mais de 40 e poucos anos, como Cindy Crawford Kate Beckinsale, conseguem manter o rosto jovem, levantado e sem flacidez? Estas estrelas, que são referencia em beleza mundial, mantém a pele levantada e linda com os fios de sustentação facial.

“Conhecido como o tratamento mais eficaz e moderno, o lifting facial com fiso de sustentação é a nova queridinha das famosas, pois não tem intervenção cirúrgica e os resultados são incríveis. O procedimento, combate a flacidez facial e minimiza os efeitos de linhas de expressão. O resultado é uma pele  sem marcas indesejadas , combatendo rugas e principalmente,  a flacidez sem agredir a pele. O método é realizado por meio da introdução na pele de fios absorvíveis que sustentam a pele, criando um efeito lifting”, explica o cirurgião plástico explicando também que a ação de elevação dos tecidos flácidos é ainda potencializada pela reação normal do organismo em querer expulsar todo corpo estranho que nele é introduzido. “Além de formar uma capa protetora em torno do Fio o próprio organismo vai erguer ainda mais a região tratada ao tentar expulsar o fio. Assim, o fio se torna um ligamento de sustentação dos tecidos. E o resultado estético só tende a ganhar mais realce com o passar do tempo”.

José Antônio Beramendi garante que essa técnica é indolor. “Os trajetos de implantação do Fio Trisegmentado de Dupla Convergência (linhas tracejadas) recebem solução anestésica local. Assim o paciente não sente desconforto quando a cânula percorre o trajeto de implantação nem quando o fio é implantado”.

Não há uma idade mínima para o procedimento, porém a indicação é para pessoas a partir dos 30 anos de idade de todo os tons de pele (clara, morena, negra). Já pacientes acima dos 80 anos, diabéticos e cardiopatas não são aptos para realizar a correção com Fio Trisegmentado.

Resultados

De acordo com o cirurgião, já ao se levantar da mesa de procedimentos, o paciente poderá ver os resultados: o rosto livre do peso de muitos e muitos anos. O incômodocirúrgico é mínimo e os tecidos faciais erguidos pelos ligamentos de sustentação do Fio Trisegmentado de Dupla Convergência voltam a ganhar o contorno e o volume desaparecidos. “Quanto mais o tempo passa, mais o resultado positivo se acentua”, garante.

 

Serviço:

Clínica de Cirurgia Plástica Dr. Beramendi

Endereço: Rua Joana Angélica, 170 – Ipanema.

Telefone: (21) 2539-1596 | 2521-3019

Instagram: @clinicaberamendi

http://www.beramendi.com.br